FEVEREIRO DE 2005

Maltês, a língua europeia oficial menos falada, passará a ser produzida localmente pela Eurologos-Malta

O objectivo do Grupo Eurologos de abrir tantos escritórios quantas as línguas a entregar aos seus clientes encontra a sua última ilustração na abertura do escritório de Malta. Sendo um pequeno país anglófono e anglófilo, Malta garante duas línguas na perfeição: O inglês do Reino Unido (muitos dos seus tradutores e executivos estudaram no Reino Unido) e, naturalmente, o maltês. Graças à expansão para 25 países que ocorreu em Maio de 2004, são, respectivamente, a primeira e a última línguas da nova Europa. Onde traduzir para e a partir do maltês (não esquecendo o inglês) nas melhores condições para uma melhor qualidade linguística e competitividade de preços? É por esta razão que existe a Eurologos-Malta (ver contactos no nosso site www.eurologos.com).